Marca brasileira produz um dos cafés mais fortes do mundo

Get Up Coffee lançou bebida com 3 vezes mais cafeína que o normal

Publicado em 12/01/2018
Guilherme Minozzo segurando um pacote de café

A empresa curitibana Get Up Coffee, dos sócios Guilherme MinozzoBruno Moreira, acaba de lançar um café com mais 220% de cafeína que as outras marcas do mercado, sendo três vezes mais forte que o comum. Enquanto uma xícara de café tem em torno de 35 mg de cafeína para uma xícara de água, o Get Up Coffee tem 112 mg. Com isso, o produto, desenvolvido por Minozzo, passa a ser um dos mais fortes do mundo, ao lado da marca americana Death Wish Coffee (com 118 mg de cafeína para 60 ml de água) e da sul-africana Black Insomnia (com 120 mg de cafeína para 60 ml de água).  

A bebida é composta por dois tipos de grão: uma variação da espécie conilon e outra da espécie arábica, produzidas no Espírito Santo e no norte do Paraná, respectivamente. Mesmo que a bebida seja destinada a um público específico, como atletas, estudantes e pessoas que precisam manter o foco, não é recomendado tomar mais que duas xícaras por dia, pelo alto teor de cafeína, que pode fazer mal ao organismo.  

Minozzo, que é barista, disse em entrevista ao UOL, que inaugurou a empresa em dezembro do ano passado, após nove meses de desenvolvimento, testes e produção do café. Com o investimento de R$ 60 mil, a Get Up Coffee já vendeu 80 quilos do produto no primeiro mês e mais 50 quilos só nos dez primeiros dias de janeiro.

O produto, que é comercializado pelo site da empresa e por algumas cafeterias de Curitiba (PR), é vendido em pacotes de 250 g, que custam R$ 15, e de 500g, de R$ 30.

Foto: Divulgação