Entenda por que você precisa lavar muito bem seu avocado

Casca da fruta pode apresentar bactérias prejudiciais à saúde

Publicado em 20/12/2018
Pilha de avocados

Lavar bem as frutas que consumimos diariamente parece uma prática óbvia para evitar qualquer tipo de doença, e sempre surgem notícias que nos incentivam a incorporar esse hábito à nossa rotina. Dessa vez é o avocado, um dos alimentos que mais atraiu os holofotes nas redes sociais em 2018, que foi alvo de um estudo mais aprofundado.

Uma pesquisa realizada pela FDA (Food and Drug Administration) dos Estados Unidos revelou a existência das bactérias Listeria e Salmonela na casca da fruta. Foram analisadas 1615 amostras ao longo dos últimos 18 meses, tanto importadas quanto oriundas da produção doméstica. 17,3% das unidades tiveram ocorrência de Listeria na casca e 0,24% na polpa, enquanto que a Salmonela apareceu apenas na casca, em menos de 1% das frutas escrutinadas.

Quando manifestada em níveis baixos, a Listeria não causa problemas severos à saúde, mas representa risco a mulheres grávidas, idosos e indivíduos com o sistema imunológico enfraquecido. Já a Salmonela é mais agressiva em crianças e idosos.

A FDA ainda reforça o cuidado na lavagem do avocado, de preferência com água corrente, utilizando uma escova para esfregar bem e realizando a secagem com papel toalha. A instituição também lembra que, mesmo descascada, a fruta que não for lavada corretamente corre grande risco de contaminação, uma vez que, ao cortarmos o avocado com uma faca, esta pode transportar as bactérias da parte externa para a interna.

Outra recomendação é descartar rapidamente as cascas, para dificultar a migração das bactérias a outras superfícies, e ingerir o avocado imediatamente após descascá-lo.

Capa: Pixabay